TREINAMENTO DO CÓLON (INTESTINO)

0
90


Os pacientes acamados perdem, com freqüência, o controle sobre o funcionamento do intestino (não sabe quando vai defecar). O intestino preso ou preguiçoso também é comum. Isto torna difícil para o doente permanecer limpo, o que, além de inconveniente e embaraçoso, também pode causar
assaduras e feridas (escaras). O ideal é que o paciente consiga evacuar uma vez ao dia, antes do banho.Embora a recuperação do controle normal do funcionamento do intestino não seja possível para a maioria dos pacientes, podemos “treinar” o intestino para trabalhar em determinada hora do dia.
O programa de treinamento do cólon inclui os seguintes passos:

! Faça a massagem abdominal diariamente, um pouco antes do
horário programado para a evacuação (de preferência antes do banho);
! A massagem abdominal é feita começando do lado direito e inferior
da barriga do paciente, em movimentos circulares, percorrendo todo o
contorno do abdome, como se ele fosse um quadrado, até a região inferior
esquerda do paciente; movimentos de flexão (dobrar) as pernas sobre a
barriga,se possível, também ajudam no estímulo da defecação e na
eliminação de gazes;
! Continue o programa estimulando a região do ânus; para isto você
pode usar um supositório ou um dedo protegido por uma luva e lubrificado
com óleo ou vaselina; introduza o dedo ou o supositório contra a parede do
reto (parte final do intestino) uns 2 cm para dentro, e espere uns 2 a 3 minutos
e então, suavemente, mexa o dedo em círculo, até que o ânus se relaxe ou as
fezes comecem a sair; depois ajude a pessoa a sentar-se na privada ou
penico, ou caso não consiga sentar, coloque-a deitada sobre o lado
esquerdo; repita isso 3 ou 4 vezes ou até que não haja mais fezes; limpe o
paciente e lave as mãos;
! Execute o programa todos os dias, no mesmo horário, mesmo
quando o intestino já funcionou acidentalmente, ou por causa de uma
diarreia;
! Se possível usar a privada ou penico, pois o intestino funciona melhor
com a pessoa sentada do que deitada;
! Ser paciente; às vezes o intestino leva dias ou até semanas para se
adaptar ao novo esquema;
! Às vezes as fezes iniciais endurecem e você precisa retirá-las com o
dedo, para que o doente possa defecar.
! Os pacientes com colostomia também podem se beneficiar com o
treinamento de cólon.

CUIDADOS COM AS OSTOMIAS
Ostomia Digestiva é uma abertura cirúrgica realizada na parede
abdominal onde uma porção do intestino é levada até a pele. Se a abertura do
intestino foi na última porção doente ou lesada do intestino delgado (íleo), a
pessoa foi ileostomizada. Se a abertura foi no intestino grosso (cólon) a
pessoa foi colostomizada.
As fezes passam pela ostomia para fora do corpo sem o controle da
pessoa, e são armazenadas em uma bolsa que fica aderida ao corpo. A
ileostomia fica no lado direito do abdômen pouco abaixo da linha da cintura.
As fezes neste local são com freqüência mais líquidas e agressivas para a
pele .
Uma ostomia urinária drenará a urina,diretamente para a parede abdominal através do gotejamento
contínuo sem o controle da pessoa.
Uma bolsa de urostomia deverá estar aderida a pele para coletá-la. Uma ostomia normal é vermelha
ou rosa vivo, brilhante e úmida. A pele ao seu redor deve estar lisa sem
vermelhidão, coceira, feridas ou dor.

VIDA SOCIAL E FAMILIAR
A pessoa pode manter atividade normal: viajar, nadar, praticar esportes ou passear ao ar livre…

A única precaução é levar uma bolsa extra para troca, caso seja necessário.

Para momentos íntimos deve esvaziar e limpar a bolsa previamente para se sentir mais confortável e seguro.

HORADO BANHO
Não é necessário retirar a bolsa para tomar banho, quer seja de
chuveiro ou de banheira já que ela é impermeável à água. Se for preciso
poderá trocar o equipamento durante o banho. O sabão e a água não são
perigosos e nem prejudicam a ostomia. Apenas deve-se evitar o jato forte do
chuveiro diretamente na abertura da ostomia, pois pode provocar
sangramento.

USO DE ROUPAS
Apessoa pode continuar a usar as mesmas roupas. O importante é a
roupa ficar cômoda, bem apresentável e a pessoa se sentir bem.

EXERCÍCIOS FÍSICOS E PRÁTICA DE ESPORTES
Atividades físicas normais, incluindo esportes aquáticos. É
desaconselhável a prática de esportes de grupo, como, por exemplo, futebol,
pelo risco de trauma local.

FREQUÊNCIA DO ESVAZIAMENTO DA BOLSA
Na urostomia o esvaziamento é feito com maior freqüência. No caso da colostomia, a bolsa terá que ser esvaziada à medida que for necessário, geralmente uma ou duas vezes ao dia.

CUIDADOS COM A PELE PERIESTOMAL
As fezes e a urina, pela sua composição, são capazes de causar
grandes lesões na pele. Portanto é importante que se utilize uma bolsa que
proteja bem a pele fixando e adaptando-se bem o ostoma. Na urostomia é
indicada uma bolsa que tenha válvula anti-refluxo que direcione o jato,
proporcionando um esvaziamento da bolsa sem vazamento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui